O programa socioambiental Tampinha Legal lança uma nova ação em favor da Economia Circular para proporcionar mais recursos financeiros a entidades assistenciais. É o Canudinho Legal. Confeccionado em polipropileno (PP), mesmo material das tampinhas, o canudinho plástico é 100% reciclável, mas precisa receber o destino adequado aos resíduos plásticos. As entidades assistenciais, assim como já ocorre no Tampinha Legal, são as responsáveis pelo cadastramento dos pontos de coleta. O Tampinha Legal faz parte do Instituto SustenPlást e, nos últimos dois anos, já enviou mais de 140 toneladas de tampinhas para reciclagem, representando mais de R$ 265 mil revertidos integralmente para as entidades assistenciais cadastradas.

Leia a coluna completa de Affonso Ritter em: https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/colunas/observador/2019/02/670651-arroz-gaucho-em-dubai.html